Tempo
|
A+ / A-

Ministro da Economia acredita que investimento não baixa, mesmo com novo Governo

14 nov, 2023 - 17:10 • Alexandre Abrantes Neves

Questionado na Web Summit sobre o impacto económico da crise política, António Costa e Silva admitiu que "a situação é preocupante", mas sublinhou que "a democracia em Portugal é estável".

A+ / A-

O ministro da Economia, António Costa e Silva, mostrou-se esta terça-feira otimista quanto à manutenção dos níveis de investimento em Portugal, mesmo que a direção política do país mude.

Questionado num dos palcos da Web Summit sobre o “elefante na sala” – o impacto dos alegados casos de corrupção no Governo para a atração de investimento estrangeiro –, António Costa e Silva diz que o tema é “objeto de preocupação”, mas realça que “a democracia em Portugal é muito estável”. Por isso, e mesmo que o rumo político mude, há bons prognósticos para não perder o nível de investimento em Portugal, garante.

“Espero que cheguemos ao nosso caminho de estabilidade e ao nosso caminho para o futuro. Estamos, neste momento, a falar com os investidores, para explicar o que está a acontecer. Os dois principais partidos em Portugal, o Partido Socialista e o Partido Social-Democrata, são pró-Europa e partilham de valores europeus, apesar das diferenças. Ambas as alternativas [políticas] são boas para a democracia e para este nível de investimento”, afirmou o ministro, numa conferência conduzida em inglês.

Nesta conversa sobre crescimento tecnológico, em que também participou o ministro de Economia do Luxemburgo, Franz Fayot, António Costa e Silva aproveitou ainda para classificar a operação "Influencer" como “muito triste” para o país e para o primeiro-ministro, António Costa, que apresentou a demissão e lançou o país para eleições antecipadas.

“O nosso primeiro-ministro sempre se dedicou ao serviço público e, até esta situação, nunca nada lhe foi apontado durante a sua carreira fantástica. Mas houve uma suspeita e teve de se demitir”, rematou António Costa e Silva.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+