Tempo
|
A+ / A-

Milhares de peregrinos a caminho de Fátima para a última grande peregrinação do ano

12 out, 2023 - 08:30 • Olímpia Mairos

Às celebrações do 12 e 13 de outubro preside o cardeal D. Américo Aguiar, bispo eleito de Setúbal.

A+ / A-

O Santuário de Fátima acolhe esta quinta e sexta-feira a última grande peregrinação do ano.

Presidida pelo cardeal D. Américo Aguiar, que entrará em Setúbal como bispo diocesano no dia 26 de outubro, a peregrinação de outubro assinala a 6.ª Aparição de Nossa Senhora aos Pastorinhos e conta com mais de 80 grupos organizados de peregrinos oriundos de 29 países.

O programa da peregrinação começa esta quinta-feira com o terço às 21h30 e prossegue com a Procissão das Velas e a celebração da Palavra, no Altar do Recinto.

O programa do dia 13 de outubro começa às 7h00 com a procissão eucarística, seguindo-se, às 9h00, a recitação do Rosário, na Capelinha das Aparições, após a qual a Imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima seguirá em procissão até ao altar do Recinto de Oração, onde D. Américo Aguiar presidirá à Missa internacional às 10h00, celebração essa que inclui o momento de bênção aos doentes e termina com a procissão do adeus.

Esta é a segunda grande peregrinação a que Américo Aguiar presidirá no maior templo mariano do país, “e este ano com um especial significado, já que presidiu à Fundação JMJ Lisboa 2023, responsável pelo evento que mobilizou em Portugal cerca de um milhão e meio de jovens”.

A primeira “grande peregrinação” presidida por D. Américo Aguiar na Cova da Iria - recorda o Santuário - foi em junho de 2020, em contexto de pandemia, onde afirmou que ninguém poderia ficar para trás, depois do “caos sanitário” provocado pela pandemia da Covid-19 que haveria de transformar para sempre as nossas vidas.

“Vemos aqui, mais uma vez, a grande atualidade da Mensagem de Fátima, que não é somente uma história do passado que nos comove, mas é uma Mensagem que ainda hoje nos desafia: Jesus precisa de cada um de nós! Cada um, com a sua história de vida, com as suas qualidades e fragilidades, com os seus projetos e sonhos, é precioso aos olhos de Jesus”, disse na altura.

Para a peregrinação que tem início esta quinta-feira, a Guarda Nacional Republicana (GNR) tem prevista uma operação especial de acompanhamento, envolvendo meios como equipas de inativação de explosivos, bem como vigilância com recurso a drones.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+