Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Salesianos criam festival internacional de cinema jovem

27 jul, 2021 - 09:13 • Olímpia Mairos

“Don Bosco Global Youth Film Festival” quer ser um evento anual, um festival de cinema com relevância mundial e um evento mediático de grande importância, atraindo o maior número possível de participantes e espetadores.

A+ / A-

Chama-se “Dom Bosco Global Youth Film Festival (DBGYFF). É um festival de cinema salesiano a nível mundial. Vai realizar-se dias 18 e 19 de novembro de 2021, em centenas de lugares diferentes e em todos os fusos horários de 134 países à volta do mundo.

O DBGYFF apresenta-se como um projeto único no género e quer envolver os jovens a nível global, numa grande iniciativa de protagonismo juvenil, através da produção de curtas-metragens, partilha artística e de valores.

“Será uma verdadeira festa do cinema para jovens, organizada por jovens e com os jovens. Qualquer pessoa com menos de 30 anos poderá participar, independentemente da religião, frequente ou não uma presença salesiana, embora, obviamente, seja principalmente por meio destas que se pretende incentivar a maior participação possível”, pode ler-se na página da internet dos salesianos.

“O DBGYFF é verdadeiramente o primeiro evento do género, explica o padre Harris Pakkam, coordenador da iniciativa. É um festival mundial para que os jovens cineastas possam expressar os seus talentos e contribuir para o bem comum. Queremos oferecer-lhes um ponto de encontro atraente, para garantir que se possam informar, aprender, divertir-se e compreender o mundo e os valores que os ajudam a viver bem”.

De acordo com a informação disponibilizada, a ideia de um festival mundial, capaz de envolver milhares e milhares de jovens de todo o mundo, partiu do Reitor-Mor dos Salesianos, o padre Ángel Fernández Artime, que começou a pensar no projeto no mandato anterior e viu “uma boa oportunidade agora, na pandemia, momento em que a humanidade precisa da energia e do olhar esperançoso dos jovens”.

A iniciativa tem como tema o lema do Reitor-Mor para 2021, “Movidos pela Esperança”, e prevê prémios no valor de 100 mil euros, em três categorias nas quais jovens de todo o mundo podem inscrever os seus trabalhos: curtas-metragens, animações e vídeos musicais.

Os vencedores serão escolhidos por três júris de categoria, compostos por personalidades do mundo do cinema, ícones juvenis e autoridades do universo salesiano.

Segundo o Conselheiro Geral para a Comunicação Social, padre Gildásio Mendes, “trata-se de uma iniciativa que compreende os numerosos objetivos do Programa do Dicastério para este sexénio”, acrescentando tratar-se de “uma proposta de comunicação na perspetiva educativa pastoral, uma forma de estar ativamente presente no mundo digital com uma clara identidade salesiana, anunciando a Boa Nova e a mensagem da Lema de 2021”.

“Além disso, a ação promove o diálogo educativo e criativo para evangelizar os jovens no seu ambiente digital; promove o protagonismo dos jovens na construção de um mundo melhor; e desenvolve sinergias entre salesianos e jovens, tanto local como globalmente”, assinala.

As inscrições para concorrer ao festival decorrem até 30 de setembro de 2021. E os interessados em participar têm disponível uma plataforma onde poderão encontrar todas as informações e recursos necessários em cinco línguas (inglês, italiano, espanhol, francês e português), administrar a fase de envio dos vídeos, acompanhar o andamento dos trabalhos, verificar a atividade do júri e, no final do festival, assistir a todos os vídeos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+