Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Costa desconhecia despacho de Cabrita a autorizar festa do Sporting

21 jul, 2021 - 16:37 • Redação

"Não conhecia despacho, não dei instrução sobre o despacho", declarou António Costa no debate do estado da nação, que decorre esta quarta-feira à tarde, no Parlamento.

A+ / A-

O primeiro-ministro, António Costa, disse esta quarta-feira que desconhecia o despacho do Ministério da Administração Interna a autorizar os festejos do título do Sporting.

"Não conhecia despacho, não dei instrução sobre o despacho", declarou António Costa no debate do estado da nação, que decorre esta quarta-feira à tarde, no Parlamento.

O primeiro-ministro respondeu assim a uma pergunta colocada pela deputada do CDS-PP, Cecília Meireles.

"Sabemos que o PS, com a ajuda preciosa do PCP, bloqueou a vinda do ministro Eduardo Cabrita para prestar esclarecimentos aqui ao Parlamento. O CDS não desistiu, conseguimos a audição da Inspeção-Geral da Administração Interna e há um esclarecimento que o senhor primeiro-ministro tem que fazer", começou por referir Cecília Meireles.

"No dia 10 de maio, às 22h30, o seu Ministério da Administração Interna enviou um despacho a autorizar celebrações da Liga de Futebol e de um clube com milhares e milhares de pessoas, écran gigante e cortejo até ao Marquês de Pombal nas horas seguintes. Esta autorização foi dada apesar de vários pareceres contra. A pergunta que tenho para lhe fazer é direta: o senhor ministro assinou este despacho à sua revelia e sem o seu conhecimento ou assinou este despacho com o seu conhecimento?", questionou a deputada do CDS.

Em resposta enviada à Renascença, o Ministério da Administração Interna (MAI) esclarece que o gabinete de Eduardo Cabrita "não fez despacho para a PSP", por esse motivo, o primeiro-ministro "não podia conhecê-lo".

"O MAI fez um despacho para o SEAAI [secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna], a lembrar que a Câmara de Lisboa e o Sporting já tinham acordado" o modelo dos festejos do título, não acompanhando as sugestões da PSP.

[notícia atualizada às 18h30, com a reação do MAI]

Sete momentos polémicos de Eduardo Cabrita, o MAI dos "casos"
Sete momentos polémicos de Eduardo Cabrita, o MAI dos "casos"
Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+