Tempo
|
A+ / A-

Vem aí uma onda de calor. Mortalidade pode subir

22 jun, 2023 - 07:30 • André Rodrigues , Olímpia Mairos

Sete distritos sob aviso amarelo na sexta-feira e sábado. Temperaturas a sul podem ultrapassar os 40 graus na próxima semana.

A+ / A-

Vem aí uma onda de calor que deverá prolongar-se até 28 de junho. Já esta quinta-feira, os termómetros deverão ultrapassar os 30 graus no Alentejo. No início da próxima semana, a região poderá registar temperaturas acima de 40.

Neste quadro de temperaturas elevadas, os números da mortalidade poderão aumentar. O alerta é do matemático Carlos Antunes.

O especialista refere que os óbitos acima dos 65 anos têm um peso cada vez maior nos números globais da mortalidade em Portugal.

“O grupo dos com mais 65 anos contribuía, por exemplo, em 2014, com 84% para a mortalidade global anual. Agora, já está nos 87%”, observa, em declarações à Renascença.

Segundo o matemático, como haverá, pelo menos, cinco ou seis dias com temperaturas acima da média, “é natural que haja uma alavancagem, um aumento dessa mortalidade”, notando que “a variabilidade aumenta, oscila em torno de um valor médio”.

“Esse valor médio está dentro daquilo que eu chamo de normalidade e perfeitamente aceitável”, indica.

Sete distritos sob aviso amarelo sexta-feira e sábado

Devido à previsão de tempo quente, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou sete distritos do continente sob aviso amarelo.

O aviso vai vigorar para os distritos de Évora, Faro, Setúbal, Santarém, Lisboa, Beja e Portalegre vão entre as 12h00 de sexta-feira e as 18h00 de sábado devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima.

Para esta quinta-feira, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade no litoral Norte e Centro até ao meio da manhã e nas regiões montanhosas do interior Norte e Centro durante a tarde.

As previsões apontam ainda para vento em geral fraco do quadrante norte, soprando a partir da tarde moderado (20 a 35 km/h) de noroeste no litoral e nas terras altas do Centro e Sul, e de sudoeste no sotavento algarvio e uma subida da temperatura máxima, que será acentuada no interior.

Segundo a meteorologista Cristina Simões, a subida da temperatura será “gradual até ao fim de semana - pelo menos -, e a manter estes valores mais elevados ainda no início da semana”.

“Em algumas regiões do país, estamos com previsão de temperaturas perto de 40° - no Alentejo - ou mesmo ligeiramente acima”, assinala.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou, esta quinta-feira, em perigo muito elevado de incêndio rural os concelhos de S. Brás de Alportel, Tavira, Loulé e Aljezur, no distrito de Faro.

Em perigo elevado de incêndio rural estão os concelhos de Monchique, Vila do Bispo, Lagos, Silves, Portimão, Castro Marim e Alcoutim, no distrito de Faro e Almodôvar, no distrito de Beja.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+