Tempo
|
A+ / A-

Pandemia de Covid-19

Salas de cinema abrem portas para operação de vacinação

27 jan, 2021 - 12:37 • Maria João Costa

As salas UCI garantem ter condições para suportar a energia necessária para os congeladores de manutenção das vacinas e já ofereceram os espaços às autoridades de saúde.

A+ / A-

As salas de cinema do Corte Inglés e do UBBO, em Lisboa e no Arrábida 20, no Porto, disponibilizaram-se, perante as autoridades de saúde, para acolher os centros de vacinação.

Em comunicado enviado nesta quarta-feira, o UCI Cinemas refere que estas salas estão em locais “estratégicos e populosos” e que têm boas condições de acesso. Face ao que consideram ser o grande desafio que as autoridades de saúde vão enfrentar para vacinar em massa a população, abrem as portas das suas salas.

“As instalações dos cinemas são espaçosas, arejadas e condicionadas”, assegura a UCI Cinemas em comunicado, explicando que as salas já sofreram um processo de adaptação às novas exigências sanitárias.

Há “controlo dos fluxos de acesso e saída para evitar ajuntamentos, a garantia do distanciamento social tanto nos espaços comuns como nas salas, a instalação de pontos de higienização em vários locais do cinema”, aponta a nota, acrescentando que “as instalações podem ser adaptadas a outras necessidades específicas que o processo de vacinação exija”.

Entre os requisitos apresentados, as salas de cinema destes grandes equipamentos comerciais garantem que os cinemas “podem suportar eletricidade suficiente para gerir os cuidados do paciente e podem também suportar a energia necessária para os congeladores de manutenção das vacinas”.

Outro dos argumentos apresentados pelas salas de cinema é o facto de terem “fácil acesso através de transportes públicos, bem como áreas de estacionamento, uma vez que a maioria deles está localizada em centros comerciais”.

O Grupo ODEON, ao qual pertencem estas salas de cinema, afirma ainda que já assinou acordos, em outros países, com as entidades de saúde para as campanhas de vacinação em larga escala.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+