BYD Seal. Carro do Ano 2024 é elétrico e vem da China

13 mar, 2024 - 22:20 • José Carlos Silva

Marca chinesa, até há poucos meses praticamente desconhecida dos portugueses, chegou, viu e venceu o Troféu Volante de Cristal.

A+ / A-
BYD Seal conquista o título de Carro do Ano rm Portugal. Fotos: BYD (clique na seta para ver a fotogaleria)
BYD Seal conquista o título de Carro do Ano rm Portugal. Fotos: BYD (clique na seta para ver a fotogaleria)

Com um desenho desportivo, espaçoso e bem construído, uma autonomia bastante razoável, e uma relação preço/qualidade respeitável, o BYD Seal marca pela primeira vez a escolha de um elétrico para Carro do Ano/Troféu Volante de Cristal. A Renascença faz parte do painel de jurados do galardão.

A ficha técnica do BYD Seal fala por si. Por valores pouco inferiores a 47 mil euros, oferece mais de 300 cavalos de potência.

Chega dos zero aos 100 quilómetros/hora em menos de seis segundos.

Tem uma bagageira de 400 litros (a que se soma um espaço na frente com 53 litros – excelente para guardar os cabos de carregamento – um interior espaçoso, e um ecrã central, semelhante a um tablet, que pode estar na posição horizontal ou na vertical, consoante o gosto a bordo.

Oferece uma autonomia de 570 quilómetros no ciclo WLTP.

O comportamento é desportivo, com reações sãs, muito estável, beneficiando de forma significativa das baterias Blade, distribuídas ao longo do chassis do Seal.

Os argumentos pesam, quando se pensa sobretudo que esta é uma marca até há poucos meses praticamente desconhecida dos portugueses.

Contudo, a BYD tem um historial que não pode deixar ninguém indiferente. Desde 2003 que é o segundo maior fornecedor global de baterias recarregáveis – entre os clientes estão Toyota e Tesla – e há nove anos que lidera as vendas de veículos elétricos no gigante mercado chinês.

Se acrescentarmos que oferece carros com uma construção e qualidade semelhante ao que se produz na Europa e a um preço mais aliciante, podemos estar perante um possível fenómeno com muitas rodas para andar.

Vencedores nas diferentes categorias:

Citadino do Ano: Renault Clio

Familiar do ano: Renault Espace

Desportivo/Lazer do Ano: Honda Civic Type R

Elétrico do Ano: BYD Seal

Híbrido do Ano: Toyota C-HR

Híbrido Plug in do Ano: Toyota Prius

SUV Compacto do Ano: Jeep Avenger

Grande SUV do Ano: KIA EV9

  • Prémio Tecnologia: Volvo “Sistema LIDAR”
  • Prémio Design: BYD Seal
  • Prémio Personalidade do Ano: Daniela Simões, CEO da Miio


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+