Tempo
|
A+ / A-

Thinking Football

Proença: "Discussão sobre custos de contexto é urgente"

07 set, 2023 - 11:20 • Redação

O presidente da Liga reforça a necessidade de ajuste da carga fiscal associada ao futebol.

A+ / A-

Pedro Proença insiste na urgência de revisão da carga fiscal associada à atividade futebolística e reforça que é necessário rever os custos de contexto.

"Os clubes em Portugal fazem um enorme esforço para serem competitivos internacionalmente. A discussão sobre os custos de contexto inerentes a esta atividade é urgente. Temos três equipas na fase de grupos da Liga dos Campe~eos, a competirem de igual para igual com os grandes da Europa, num quadro de desigualdade, no que diz respeito à matéria fiscal e a todos os custos de contexto", diz o presidente da Liga, no discurso de abertura da conferência Thinking Football, que decorre entre 7 e 9 de setembro, na cidade do Porto.

Proença recorda que o "futebol profissional contribuiu com mais de 617 milhões de euros para o PIB e pagou mais de 214 milhões de euros em impostos", no último ano. Além disso, acrescenta que "nas primeiras quatro jornadas da I Liga bateram-se recordes de assistências, com as famílias de volta aos estádios", destacando a importância social da atividade.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • José J C Cruz Pinto
    07 set, 2023 Ílhavo 12:00
    Oura vez a mesma conversa fiada - uma forma original da "cantiga do bandido". Os únicos custos de contexto que urge compensar e cobrir são os custos reputacionais para o País associados ao nosso (deles) "coice na bola" e em tudo o mais, a que chamam "futebol".

Destaques V+