32,08%
8 Deputados
31,11%
7 Deputados
9,79%
2 Deputados
9,07%
2 Deputados
4,26%
1 Deputados
4,12%
1 Deputados
3,76%
0 Deputados
1,22%
0 Deputados
2,62%
0 Deputados
  • Freguesias apuradas: 3092 de 3092
  • Abstenção: 63,48%
  • Votos Nulos: 0,77%
  • Votos em Branco: 1,20%

A+ / A-

Seleção nacional

Roberto Martínez: "O objetivo desta noite não era ganhar"

26 mar, 2024 - 22:00 • Redação

Selecionador nacional assume que derrota com a Eslovénia permite a Portugal "estar mais preparado para o Europeu".

A+ / A-

O selecionador nacional, Roberto Martínez, desvaloriza a derrota com a Eslovénia, por 2-0, mas assume que foi um jogo que ajuda a tomar decisões para a fase final do Europeu.

Em declarações à RTP, o técnico elogiou a exibição da Eslovénia e diz que, apesar da derrota, Portugal "está mais preparado para o Europeu".

A primeira derrota: "A Eslovénia jogou muito bem. O objetivo desta noite não era ganhar. Era tentar ganhar, mas experimentar com os jogadores. É um jogo de preparação para o Europeu. E foi isso mesmo. Primeira vez a sofrer primeiro. Depois destes 90 minutos, estamos mais preparados para o Europeu".

Jogo ajuda a tomar decisões para o Europeu? "É um jogo que ajuda, é informação. Precisamos de ter opções e o estágio foi positivo. Não gostamos de perder, mas o objetivo do jogo era conseguir informação, mais do que vencer".

Porquê Cancelo na esquerda e por dentro? "Cancelo tem experiência de jogar pela esquerda e por dentro. Tentámos procurar jogar por dentro, eles têm uma linha muito fechada por fora, era para explorar a ligação com o meio-campo. Agora podemos usar essa informação daqui para a frente".

Derrota abala a confiança? "Acho que agora estamos mais preparados para o Europeu. É importante chegar lá com golos sofridos. A reação durante um jogo é importante, ter personalidade para continuar a jogar ao mesmo nível. Resultado é positivo para a Eslovénia".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+