Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

​Candidaturas reagem às projeções da abstenção: “Fico contente pelo esforço dos portugueses"

24 jan, 2021 - 19:47 • Redação

Abstenção nestas eleições presidenciais variam entre 50% e 60%, indicam as projeções das televisões.

A+ / A-

Veja também:


Várias candidaturas presidenciais já reagiram às projeções que apontam para uma abstenção entre os 50% e os 60% nas eleições deste domingo.

O Presidente da República e recandidato, Marcelo Rebelo de Sousa, diz que é preciso ter em conta a pandemia, o aumento de eleitores no estrangeiro e o facto de ser uma reeleição, com taxas de abstenção historicamente maiores.

“Vamos esperar pelos valores finais. Como sabem a abstenção tem uma componente muito importante que é a dos nossos compatriotas residentes no estrangeiro, que aumentou o número de inscritos de 300 mil para 1,5 milhões. Infelizmente, como já se viu na última eleição há uma abstenção muito elevada. É preciso fazer a conta com isso: o que foi a abstenção cá e lá fora, para comparar cá com a abstenção em eleições anteriores.”

Marcelo Rebelo de Sousa espera que o ciclo de aumento da abstenção possa ser quebrado e elogia o esforço dos portugueses que foram votar nestas eleições atípicas marcadas pela pandemia de covid-19.

“Fico contente pelo esforço de todos os portugueses, com o tempo que estava e em pandemia, se apesar disso tudo os portugueses saíram – veremos os números finais - ao nível daquilo que se vê, foi um esforço enorme que não se previa. Previam-se taxas de abstenção superiores”, sublinhou.

A candidatura de João Ferreira saudou “todos os que, superando dificuldades, quiseram afirmar a sua participação”.

Numa curta declaração, reagindo às projeções sobre os dados da abstenção, Rui Fernandes, membro da Comissão Política do PCP, saudou, também, “todos os que asseguraram o funcionamento das secções de voto num quadro particularmente difícil”.

A candidatura de Marisa Matias, pela voz do mandatário Tiago Rodrigues, disse que as piores previsões não se confirmaram.

Tiago Rodrigues elogiou o esforço de todos os que participaram na organização das eleições presidenciais em situação de pandemia.

“Parece-me importantíssimo registar o enorme esforço para de milhares de pessoas para que esta eleição dificílima de realizar. Conseguiram que os portugueses votassem em segurança”, declarou.

A candidatura André Ventura lamentou aquela que pode ser das “maiores” abstenções de sempre na história das eleições em Portugal.

“Queremos lamentar os números da abstenção, uma das maiores até agora, mas que se compreende face à pandemia, ao confinamento e a toda esta situação que dura há algum tempo”, declarou o mandatário nacional Rui Paulo Sousa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+