Tempo
|
A+ / A-

​CDS disponível para coligação na Madeira "sem extremismos"

22 set, 2019 - 21:19 • Redação

José Manuel Rodrigues afirma que o CDS está disponível para encontrar solução estável de Governo.

A+ / A-

Veja também:


José Manuel Rodrigues, do CDS-Madeira, afirma que o partido “mantém a sua representação parlamentar e pode ser decisivo na formação do próximo Governo da Madeira”.

“O CDS disse desde o princípio que admitíamos fazer coligações com o partido que ganhasse. Não sei se será suficiente, mas o CDS está disponível para encontrar solução estável de Governo, sem extremismos, partidos radicais, partidos comunistas, blocos de Esquerda, sem geringonças.”

Coligação parlamentar ou de Governo? "Vai depender das conversas dos próximos dias. Pessoalmente, não sou favorável a acordos de incidência parlamentar, é preferível uma coligação" de Governo.

As eleições para o parlamento regional da Madeira deste domingo ficam marcadas pela perda da maioria absoluta do PSD - a confirmarem-se as projeções -, uma subida acentuada do PS e um ponto de interrogação sobre a próxima solução de Governo no arquipélago.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+