Tempo
|
Autárquicas 2021
34,22%
148Câmaras
13,2%
72Câmaras
10,81%
31Câmaras
8,21%
19Câmaras
5,54%
19Câmaras
4,16%
0Câmaras
2,75%
0Câmaras
1,5%
6Câmaras
1,3%
0Câmaras
14,18%
13Câmaras
  • Freguesias apuradas: 3092 de 3092
  • Abstenção: 46,35%
  • Votos Nulos: 1,58%
  • Votos em Branco: 2,50%

A+ / A-

Misericórdia do Porto disponível para acolher refugiados afegãos

18 ago, 2021 - 11:44 • Redação

O Ministro dos Negócios Estrangeiros já reveloou que Portugal está disponível para receber, no imediato, 50 afegãos.

A+ / A-

A Santa Casa da Misericórdia do Porto está disponível para receber refugiados do Afeganistão e “apoiá-los no seu processo de acolhimento e integração em Portugal”.

Em nota enviada à redação pode ler-se que “perante a grave situação que se vive no Afeganistão, nomeadamente a crise humanitária em desenvolvimento, a Misericórdia do Porto já manifestou a sua disponibilidade ao Governo para receber refugiados daquele país.”

O mesmo texto lembra que a disponibilidade para apoiar pessoas em situação de refugiado “não é nova, já que em outros momentos a instituição deu apoio e recebeu refugiados de outras regiões em conflito”.

“É com orgulho que atualmente a Misericórdia do Porto conta com um cidadão sírio a trabalhar na organização, que foi acolhido em Portugal e apoiado por esta instituição, sendo um excelente exemplo de resiliência, esforço e integração”, acrescenta.

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, que esteve em dois canais de televisão portugueses, adiantou também que Portugal está disponível para receber, no imediato, 50 afegãos que tenham colaborado com a União Europeia e com a NATO no Afeganistão.

Já no no domingo, o ministro da Defesa afirmou que Portugal vai integrar a operação da União Europeia e da NATO para proteger cidadãos no Afeganistão e está disponível para receber afegãos.

Voos carregados

França, Itália e a Alemanha realizaram nas últimas horas voos para retirar do Afeganistão cidadãos nacionais e afegãos, enquanto um avião da Lufthansa com 130 refugiados a bordo já aterrou no aeroporto de Frankfurt proveniente da capital do Uzbequistão.

A retirada de afegãos e estrangeiros, que se encontravam no Afeganistão, precipitou-se desde domingo, quando as forças talibãs tomaram o poder em Cabul instaurando o Emirado Islâmico.

A retirada dos militares norte-americanos foi negociada em fevereiro de 2020.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+