Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Dominado fogo que destruiu armazém em Évora

11 ago, 2021 - 15:25 • Rosário Silva, com redação

Alerta foi dado ao início da tarde, avança a Proteção Civil. Trabalhadores tiveram que ser retirados de parque industrial.

A+ / A-
Foto: Rosário Silva/RR
Foto: Rosário Silva/RR

Foi dado como dominado pelas 17h45 um incêndio deflagrou esta quarta-feira ao início da tarde num armazém de plásticos e madeiras localizado no parque industrial de Évora. Cerca de 45 operacionais combateram as chamas.

O comandante dos bombeiros de Évora, Rogério Santos, disse aos jornalistas que não há feridos a lamentar e que o combate ao incêndio foi dificultado pelo material inflamável no interior do armazém que comercializa piscinas e os respetivos componentes.

"A situação está controlada. O incêndio vai ficar extinto dentro de algumas horas, porque vamos tentar entrar no perímetro do edifício, passo a passo, não haja algum colapso da estrutura", afirmou o comandante Rogério Santos.

O fogo obrigou à retirada de trabalhadores do parques industrial onde se situa o armazém, com materiais inflamáveis e tóxicos, como tintas, coberturas e plásticos.

A coluna de fumo negro provocada pelo incêndio é visível a vários quilómetros de distância.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora adiantou que o alerta para o fogo foi dado aos bombeiros às 13h29.

As causas o incêndio não são conhecidas. A situação vai ser investigada pela Polícia Judiciária.


[notícia atualizada às 19h30]

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+