Tempo
|
A+ / A-

Clima

Verão foi o mais quente jamais registado no Hemisfério Norte

06 set, 2023 - 10:46 • Lusa

O mês de julho foi o mês mais quente alguma vez registado na Terra.

A+ / A-

A Terra viveu este ano o verão mais quente jamais registado no Hemisfério Norte, com um agosto recorde a culminar uma estação de temperaturas brutais e mortíferas, anunciou esta quarta-feira a Organização Meteorológica Mundial (OMM).

O mês passado não foi apenas o agosto mais quente alguma vez registado pelos cientistas com equipamento moderno, foi também o segundo mês mais quente medido, apenas atrás de julho de 2023, anunciaram a OMM e o serviço climático europeu Copernicus.

Agosto foi cerca de 1,5 graus Celsius mais quente do que as médias pré-industriais, que é o limiar de aquecimento que o mundo está a tentar não ultrapassar.

Mas o limiar de 1,5 ºC é calculado ao longo de décadas, e não apenas num mês, pelo que os cientistas não consideram essa breve passagem assim tão significativa, segundo a agência norte-americana AP.

Até ao momento, 2023 é o segundo ano mais quente de que há registo, atrás de 2016, segundo o Copernicus.

O hemisfério sul, onde muitos recordes de calor foram batidos em pleno inverno austral, não foi poupado, de acordo com o Copernicus, citado pela agência francesa AFP.

"A estação de junho-julho-agosto de 2023, que corresponde ao verão no hemisfério norte, onde vive a grande maioria da população mundial, "foi de longe a mais quente alguma vez registada no mundo, com uma temperatura média global de 16,77 ºC", afirmou.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+