Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

EUA

"Um erro". Bush critica retirada das tropas da NATO do Afeganistão

14 jul, 2021 - 21:22 • Redação com Lusa

Antigo Presidente norte-americano, que iniciou as guerras no Afeganistão e o Iraque, na sequência dos atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, mostrou-se preocupado com a situação das mulheres e raparigas afegãs que, segundo diz, "sofrerão danos indescritíveis".

A+ / A-

O antigo Presidente dos Estados Unidos George W. Bush, considera “um erro” a retirada das forças da NATO do Afeganistão.

Em declarações ao jornal alemão Deutsche Welle, o antigo Presidente norte-americano, que iniciou as guerras no Afeganistão e o Iraque, na sequência dos atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, mostrou-se preocupado com a situação das mulheres e raparigas afegãs que, segundo diz, “sofrerão danos indescritíveis. É um erro”, advertiu.

“Serão deixadas para trás para serem massacradas por pessoas muito brutais e isso parte-me o coração”, lamentou o ex-Presidente republicano, numa entrevista concedida por ocasião da visita de Angela Merkel a Washington.

Bush também disse pensar que a chanceler alemã “sente o mesmo”. O ex-Presidente prestou homenagem à “classe e dignidade” de Merkel, que deixará o cargo no outono, após 16 anos como líder do Executivo alemão.

Na quinta-feira, a governante irá encontrar-se com o Presidente democrata, Joe Biden, na Casa Branca.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+