A+ / A-

Fraca atividade económica leva Bruxelas a baixar projeção de PIB na zona euro

11 set, 2023 - 10:20 • Lusa

Bruxelas ressalva que estas previsões são ainda "rodeadas de uma enorme incerteza".

A+ / A-

A atividade económica "muito fraca" dos últimos meses na zona euro e União Europeia, que deverá manter-se, levou esta segunda-feira a Comissão Europeia a rever em baixa as projeções para crescimento económico em 2024, para 1,3% e 1,4%.

Nas previsões económicas de verão publicadas esta segunda-feira, o executivo comunitário passa então a prever um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 0,8% este ano na área da moeda única e no conjunto da União Europeia (UE) e de 1,3% e 1,4%, respetivamente, no próximo ano.

Estas percentagens comparam com projeções de 1,1% para zona euro e 1% para UE em 2023 e de 1,6% e 1,7%, respetivamente, em 2024, de acordo com o que havia sido previsto nas previsões de primavera, divulgadas em maio passado.

"A economia da UE continua a mostrar resistência face aos choques formidáveis que sofreu nos últimos anos, mas perdeu dinamismo. A atividade económica na UE foi muito fraca no primeiro semestre de 2023", contextualiza a instituição na informação hoje divulgada.

Em causa está o cenário de tímido crescimento económico e de fraco consumo perante uma descida mais lenta da inflação e uma apertada política monetária.

Bruxelas ressalva que estas previsões são ainda "rodeadas de uma enorme incerteza" pelas "preocupações geopolíticas e económicas globais", nomeadamente relacionadas com a guerra da Ucrânia causada pela invasão russa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+