Carlos Moedas. “Há uma parte do PS que viveu sempre no Estado com a ideia de amigos e de favores”