Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Liga espanhola de futebol atrai injeção de 2,7 mil milhões de euros de capital de risco

04 ago, 2021 - 16:20 • Redação

A pandemia fez com que o negócio do futebol caísse a pique em resultado da redução do valor dos contratos televisivos e do encerramento do estádios.

A+ / A-

A capital de risco CVC Capital Partners vai investir 2,7 mil milhões de euros na La Liga, a liga de futebol espanhola.

O investimento da empresa de "private equity" avalia a La Liga em cerca de 24,3 mil milhões de euros, de acordo com um comunicado emitido esta quarta-feira.
A entrada de novo capital chega num momento crucial para a liga espanhola de futebol, que, como outras na Europa, viu as finanças gravemente afetadas pelo impacto da Covid-19.
O encerramento dos estádios e os descontos nas transmissões durante a pandemia reduziram a receita da La Liga em 8%, para 3,1 mi milhões de euros na temporada 2019/2020, de acordo com o último relatório anual consultora Deloitte.
A crise motivada pela pandemia está a ter um grande impacto em clubes como o FC Barcelona e o Real Madrid, gigantes conhecidos por gastar muitas vezes somas altíssimas para atrair e manter os melhores jogadores do mundo.

Para a CVC, o investimento é semelhante ao que está a tentar fazer em Itália. A empresa fez uma parceria com a Advent International e a italiana FSI para chegar a acordo para a compra de 10% das ações da empresa de média da liga italiana de futebol, a Serie A, por cerca de 1,7 mil milões de euros. Alguns clubes estão a colocar alguns entraves ao negócio.

Em Espanha este investimento levará à criação de uma nova empresa que abrigará todos os negócios, subsidiárias e "joint ventures" da La Liga, na qual a CVC terá uma participação de cerca de 10%, de acordo com o comunicado da empresa.
Fundada na década de 1980 por um grupo de investidores de risco, incluindo Steve Koltes, Donald Mackenzie e Rolly van Rappard, a CVC é uma das unidades de private equity mais conhecidas do mundo.
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+